#10 Como estruturar uma introdução

Confira o vídeo no Canal.

Oh meu Deus! O que vou escrever nesta introdução?

Calma, calma.. Não se desespere. Neste texto vou falar sobre como estruturar uma introdução? O que de fato devo escrever numa introdução? Vamos juntos!

A introdução deve levar o leitor de um contexto mais geral até um objeto de investigação mais delimitado. Pense num triângulo invertido, ou num funil.

Você irá trazer aspectos gerais sobre o tema e, conforme a introdução vai evoluindo, você irá afunilar sua análise para tópicos mais específicos, identificar o nicho da sua pesquisa e, finalmente, apresentar o seu problema de pesquisa.

Então vamos lá. O que deve ter numa introdução? Na introdução, você demonstrará o escopo, o contexto e a importância da pesquisa. Você deverá resumir as informações prévias existentes sobre o tema, e por isso é importante realizar uma boa pesquisa bibliográfica. Na introdução, você vai destacar a proposta do trabalho, demonstrando claramente quais serão os seus objetivos, suas perguntas de pesquisa e suas hipóteses. Poderá também destacar os potenciais resultados que seu estudo pode revelar e fornecer detalhes sobre a estrutura e a organização do artigo.

Tenha em mente que a introdução deve responder as seguintes perguntas:

  • O que eu estou estudando?

  • Porque este tópico é importante?

  • O que nós sabemos sobre este tema antes deste estudo que eu estou conduzindo?

  • Como o meu estudo poderá avançar trazendo novos conhecimento ou novas formas de entender um problema?

Ao estruturar uma introdução, pense que você deverá atingir as seguintes metas:

1. Ter certeza que você resumiu bem estudos anteriores sobre o tema, oferecendo suporte para que leitores entendam o seu problema de pesquisa;

Tenha em mente que a introdução deverá oferecer suporte a tudo aquilo que vem pela frente, ou seja, a sua pesquisa.

2. Explicar como seu estudo aborda gaps na literatura, aborda lacunas e deficiências na literatura;

Afinal de contas, o seu estudo vem para complementar. Não adianta você propor algo que já é notadamente conhecido e exaustivamente explorado. Então, descreva qual a lacuna o seu estudo identificou.

3. Você deverá provar para o leitor que a sua pesquisa é realmente relevante.

Agora, vou te falar sobre as principais fases que você passará para estruturar uma boa introdução.

Sugiro tomar nota.

  1. Fale sobre o tema geral da sua pesquisa. Destaque a importância do tópico escolhido. Faça afirmações mais gerais sobre o tópico e apresente um panorama da pesquisa atual sobre o seu tema.

  2. Identifique um nicho de pesquisa. Crie uma oposição a alguma suposição já existente. Revele uma brecha ou lacuna na literatura existente.

  3. Situe a sua pesquisa dentro deste nicho de pesquisa que você identificou. Destaque o objetivo do seu estudo. Fale sobre as principais características do seu estudo e forneça um breve apanhado geral sobre como o seu estudo está estruturado.

Dica importante, mesmo que sua introdução seja o primeiro tópico do seu artigo, apenas escreva a introdução depois de fechar a análise dos seus resultados, a discussão e a conclusão. Já falei sobre isso em um vídeo anterior.

Uma introdução bem escrita é muito importante, pois será a sua chance de causar uma boa primeira impressão. Afinal de contas, Todo mundo quer causar uma boa primeira impressão.

Já no seu parágrafo de abertura os leitores irão tirar as suas impressões iniciais sobre sua lógica argumentativa, seu estilo de escrita, e até mesmo sobre a qualidade geral do seu trabalho.

Na introdução, você deve motivar o leitor, contando uma história convicente. Então, seja criativo.

Uma introdução vaga, desorganizada e cheia de imprecisões irá criar uma impressão negativa. Portanto, capriche na sua introdução! Se você gostou deste texto, se inscreva no canal! Até breve!

© 2018 por Douglas Sathler | Canal Descomplicado | UFVJM